Meu espelho… Meu sorriso…

Meu espelho… Meu sorriso…

Feliz! Acabei de olhar no espelho e vi um cara sorrindo pra mim…

Legal!

Fiquei Feliz duas vezes!

Quando postei a frase acima numa rede social, muitos sorriram também. Para seus monitores! Não importa para onde. Importante mesmo é sorrir. Quem sabe se alguém não foi até o espelho fazer a mesma coisa?

Ou, ao contrário, entortou a boca e pensou… Que “babaquice”! Cada um com seus ‘pobrema’ né meu?

Nunca deixe de sorrir, nem mesmo quando estais tristes, porque nunca sabes quem poderá enamorar-se do teu sorriso.

Gabriel Garcia Márquez

Evidentemente existem muitas formas de sorrisos. Leves, lúdicos e límpidos… Carregados, debochados e sarcásticos. Vingativos. Amorosos são os melhores. Sem veneno no sangue. Você pode estar enxergando o seu exterior ou seu interior. Pode estar bonito por dentro e por fora. Cabelo penteado e alma limpa. Pode ser narcisista. Pode ser o que você quiser! O que você sentir!

O espelho é um instrumento real e material que reflete um dos mistérios do Universo, a “Dualidade do Ser”.

Tudo existe aos pares na Natureza!

É claro que a frase inicial poderia ser:

Triste! Acabei de olhar no espelho e vi um cara chorando pra mim… Pena! Fiquei Triste duas vezes!

Ou…

Eu me amo!

Google – Imagem

No carro, minha mulher pegou o batom, abriu a tampinha e, para minha admiração, havia um espelhinho. Olhou, fazendo pose, e pintou os lábios!

Google – Imagem

Qualquer hora dessa eu conto a marca desse equipamento fabuloso! Imprescindível nas bolsas enormes que as mulheres usam. E que todas colocam em cima do freio de mão, no carro. Tenho “toque” no cotovelo quando estou no banco de passageiro. É muito chato!

Na abordagem que faço, o sorriso no espelho pode ser encarado como coisas de Narciso!

Google – Imagem

Narciso e Narciso

Se Narciso se encontra com Narciso
e um deles finge
que ao outro admira
(para sentir-se admirado),
o outro
pela mesma razão finge também
e ambos acreditam na mentira.
Para Narciso
o olhar do outro, a voz
do outro, o corpo
é sempre o espelho
em que ele a própria imagem mira.
E se o outro é
como ele
outro Narciso,
é espelho contra espelho:
o olhar que mira
reflete o que o admira
num jogo multiplicado em que a mentira
de Narciso a Narciso
inventa o paraíso.
E se amam mentindo
no fingimento que é necessidade
e assim
mais verdadeiro que a verdade.

Ferreira Gullar

(Do site Fala Comigo Doce Como a Chuva- Postado por Nádia Dantas).

Quando passei a sorrir para o garçom, senti que não cuspiam mais no meu prato.

Existem vários tipos de sorrisos. Muitas vezes passando pela risada e chegando à gargalhada.

São expressões faciais com medidas diferenciadas. É quase como expressões da escrita, onde alguns escrevem:

Rsrsrs… É sorriso. Hehehe… É risada. Kkkk… É gargalhada.

Google – Imagem

Aqui o Narcisinho sorri! Cara de “sacaninha”!

Google – Imagem

Agora a mamãe do neném ensina como escovar os dentes… Achando-se bonita. Sorriso feliz.

Não se aprende a sorrir. Nascemos sabendo. A diferença está em praticarmos. Isso vem de dentro do ser. Reflete o estado interior do ser humano.

Feliz! Acabei de olhar no espelho e vi um cara sorrindo pra mim… Legal! Fiquei Feliz duas vezes!

Ou

Triste! Acabei de olhar no espelho e vi um cara chorando pra mim… Pena! Fiquei Triste duas vezes!

Até as bruxas tem espelhos. Do filme “Espelho, Espelho Meu”. História da “Branca de Neve”.

Google – Imagem

“Mirror Mirror” (Espelho, Espelho Meu, no Brasil) é uma comédia baseada no conto Branca de Neve dos irmãos Grimm. É dirigido por Tarsem Singh e estrelado por Lily Collins, Julia Roberts, Armie Hammer, Nathan Lane e Sean Bean.

Bela bruxa que o diretor Tarsem Singh arranjou.

Nesse caso, o sorriso é de maldade mesmo!

Olhos de fogo… Raivosos… Âmbar incandescente!

É sobre esse sorriso que os poetas e compositores Nelson Cavaquinho, Alcides Caminha, Guilherme de Brito fizeram a música “A Flor e o Espinho”.

Tire o seu sorriso do caminho

Que eu quero passar com a minha dor

Hoje pra você eu sou espinho

Espinho não machuca a flor

Eu só errei quando juntei minh’alma a sua

O sol não pode viver perto da lua

Tire o seu sorriso do caminho

Que eu quero passar com a minha dor…

Sorrisos que nos incomodam… Irritam-nos! Arreganhar de dentes de pessoas que riem das nossas desgraças.

Esses não são os sorrisos dos espelhos. São sarcásticos.

Não são os sorrisos que enriquecem os recebedores sem empobrecer os doadores. Como diria Mario Quintana.

A música de Nelson Cavaquinho fala de uma relação amorosa. Mas é perfeitamente aplicável a outras situações. Quando aquela criatura tosca que te prejudica e aparece sorrindo… Quando se dá mal… Resta-nos cantar para a figura malévola:

Tire o seu sorriso do caminho…

E sentimos o desejo de completar a letra…

E vá se ferrar…!

Só que não somos espinhos e a figura tosca não é uma flor… Que se cheire.

Confesso que senti muitas vezes a vontade de fazer isso…

Google – Imagem

Esse rapazinho deve ser aquele “Narcisinho” que sorria no espelho com cara de “sacaninha”:

Rsrsrs… É sorriso. Hehehe… É risada. Kkkk… É gargalhada.

É mesmo… Só acho que o Sol PODE, sim, viver perto da Lua! E… Eu NÃO errei quando juntei Minh ‘alma a sua…

Google – Imagem

Espinho não machuca a flor…

Você já tomou uma Coca-Cola em frente ao espelho?

Google – Imagem

Faça experiências com espelhos. Vai ficar surpreendido com o tamanho do Universo.

É o Infinito! Ponha um espelho em frente a outro!

Só não pode quebrar…

Google – Imagem

Meu espelho…

Google – Imagem

Os espelhos são usados como um portal de ingresso até o desconhecido. Quebrar um espelho traz sete anos de azar. A adivinhação através do espelho é chamada de catopromancia, e vem da Pérsia. Sonhar com espelhos, pode significar uma traição próxima. Durante o século passado, foi usado um método com espelhos para desmascarar os autores de um roubo ou outro ato criminoso, considerando que confrontar o suposto criminoso com a sua própria imagem poderia produzir um efeito hipnótico. Também foi dito que, na Europa, as mulheres que queriam apaixonar um homem, ofereciam sua alma ao diabo através de um espelho.

Blog Travel- Posted on 13/06/2012 by admin.

Meu sorriso…

Com espelho atrás… Vai Narciso!

Feliz! Acabei de olhar no espelho e vi um cara sorrindo pra mim… Legal! Fiquei Feliz duas vezes!

Google –Imagem – Salar de Uyuni na Bolívia – O maior espelho natural do mundo

Vou fazer meus jogos no CASINO GRÁTIS da VIDA. Ganhando a sorte grande, vou tirar algumas rugas e comprar um espelho naturalO maior do mundo.

Vou sorrir… Vou rir… Vou gargalhar!

Mas vou continuar sorrindo mais que rindo e gargalhando.

Quando postei a frase acima numa rede social, muitos sorriram também. Para seus monitores! Não importa para onde. Importante mesmo é sorrir. Quem sabe se alguém não foi até o espelho fazer a mesma coisa?

Assim continuo emanando muito mais paz e amor com essas expressões faciais. Fico amigo do palhaço. O garçom não cospe no meu prato. Meus interlocutores respondem com a “mesma moeda”. Sou feliz. Se chorar é de alegria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *